BLOG

Não usar
24/05/2013

Deborinha: metamorfose ambulante

24-5 Débora intDébora Silva e Santana
Caseira, mandona e aventureira (minhas viagens sempre têm emoção)
Gargantinha de ouro (como falo alto. Desculpem!)
Grudada com a família, com São João del-Rei e nas Scarpins (amigas da faculdade e para a vida)
#semvaidade (apesar disso, já melhorei muito. Uso bolsa e não sacolinha de plástico)
Pollyana (otimista ao extremo. Tudo tem seu lado bom, não é verdade?)
Esforçada (apesar de não me aprofundar muito em alguns aspectos)
Sorridente (sorrisão é marca registrada)
Cozinheira prática, aprendiz de dançarina, cruzeirense e entrona (interfiro nos assuntos que não me dizem respeito. Grande defeito! Mas estou aprendendo a ficar mais na minha)
Mãezona de todos (preocupada até demais com tudo), principalmente com o carro
Jornalista tímida e que não gosta de aparecer (na vida profissional e pessoal)
Amiga silenciosa e afastada (se não quer saber o que penso, não pergunte e nem dê abertura)
Verdade e respeito regem minha vida
Independente, mas dependente das pessoas (não nasci para viver sozinha)
Queria ser uma borboleta (a metamorfose silenciosa me encanta e estimula)
Coordenadora de núcleo na Prefácio, eterna aprendiz na vida