BLOG

Viajando com a prefácio
18/09/2017

Viagem de carro e em família: não tem preço!

Sair pela estrada, com destinos definidos, mas sem pressa e em boas companhias. Viagem de carro sempre me anima, me encanta. Sensação de liberdade, mesmo tendo um roteiro, pois descobrimos coisas interessantes do nosso país.

Em agosto fiz minha terceira aventura assim. Foram mais de três mil quilômetros em 17 dias. Dessa vez, viagem em família: dois carros, muitas malas, sete adultos e duas crianças (de dois anos). O destino!? Paracatu, Brasília, Pirenópolis, Goiás, Goiânia, Caldas Novas e Araxá.

A viagem foi tão rica, que um texto só será pouco para contar. Mas vamos aos marcos dessas férias que foram deliciosas e inesquecíveis.

Que bela surpresa durante a viagem!

Paracatu seria apenas uma parada para descansar. Que bela surpresa! Cidade encantadora: bonita, bem cuidada, com centro histórico charmoso. E o pão de queijo recheado e a famosa desmamada!? Sabores de Minas que surpreenderam.

“Brasília tem o seu destaque na arte, na beleza, arquitetura”.

Brasília3

Sim, concordamos com o compositor Silas de Oliveira. Ficamos impressionados com a grandiosidade da nossa capital federal. Chegamos no dia da cerimônia da troca da bandeira. Cheia de pompas, regras e beleza, a solenidade fez meu pai se emocionar e chorar.

Brasília

Já a capital em si, é realmente impressionante. Construções diferenciadas e a estrutura de funcionamento dos prédios grandiosa, o que nos faz refletir sobre os gastos públicos e sua real necessidade. É um choque pensar nas diferenças sociais, na falta de investimentos nas necessidades básicas da população (saúde, educação, moradia) e na exagerada, ao meu ver, riqueza do planalto, do congresso e demais instituições.

Brasília2

Não podemos deixar de falar da história, também impressionante, da construção da cidade. Os envolvidos merecem aplausos e reconhecimento. Não faz parte de nossa cultura fazer coisas tão grandiosas em pouco tempo e com qualidade. Eles conseguiram. Custou muito, é claro (dinheiro e vidas), mas o objetivo do então presidente Juscelino Kubitschek foi concluído.

Pirenópolis não foi surpresa.

Pelas pesquisas já sabíamos que iríamos encontrar uma cidadezinha histórica, pequena e cheia de belezas naturais. Destaque para as cachoeiras e pela hospitalidade da pousada na qual ficamos. Nesse paraíso, que merece uma nova visita com mais calma, teve visita a fazenda com direito a café regional delicioso, passeio em cachoeiras, restaurante no centro histórico e sabores da terra: cerveja artesanal e o empadão, que não é muito diferente dos de Minas não.Pirenópolis

Já Goiás… Uma decepção. A parte histórica é sim bonita, conservada, mas a cidade não possui estrutura para receber turistas. O atendimento na casa de Cora Coralina foi arredio. Nem quisemos entrar para fazer a visitação. E os restaurantes!? Ruins, mesmo estando no Guia 4 Rodas. Só tivemos coragem de fazer um lanche e seguir viagem.

Goiânia…

Uma capital linda, plana, cheia de parques e praças, bares e vida. Uma cidade grande, com ar de cidadezinha. Atrações não faltaram ao ar livre. Foi difícil escolher que parque conhecer, diante de tantas opções. E as praças nos surpreenderam com a estrutura e o cuidado. O mercado municipal tem pequi, manteiga de garrafa, melado… Mas não chega ao pés do mercado de BH.

Goiânia

Hora de descansar.

Chegamos a Caldas Novas! Aqui o objetivo era curtir as águas quentes. Ficamos em um hotel que tinha tudo: piscinas para todos os gostos e idades, alimentação de primeira (café e jantar e bares), ofurô, bar molhado, parquinho… Um paraíso para as crianças e pra toda a família, que gosta de uma mordomia. Foram cinco dias de relaxamento e diversão. Um deles do Hot Park, onde adultos e crianças curtiram piscina com onda, toboáguas, passeio de boia e muito mais!

Já a caminho de Minas, voltando pra casa, paramos em Araxá. Ficamos no Grande Hotel. Uma hospedagem requintada e ao mesmo tempo cheia de história. O prédio é maravilhoso. Uma construção grandiosa e bem conservada. Massagens e banhos foram aproveitados no Termas, com as águas sulfurosas da cidade. Foi uma experiência deliciosa, com comida e bebida de primeira, passeio de caiaque e bicicleta, shows e visita guiada.AraxáAraxá1

Estrada, cultura, histórias… Pelo nosso caminho encontramos a alegria de estar em família, descobrindo um pouco mais do nosso país que tem muitas belezas e delícias!