BLOG

← Voltar

Viagem para Pitangui/MG, por Patrícia Sacco

A Patrícia, que trabalha no núcleo de design da Prefácio, separou esse texto para editoria “Viajando com a Prefácio”. Ela fala sobre a cidade natal da sua mãe. Pitangui tem mais de 300 anos e tem muita história para contar. A Paty também tem, acompanhe a história dessa viagem:

Para onde foi e com quem?
Pitangui, com meu irmão e minha mãe

Qual era o objetivo da viagem?
Minha mãe nasceu em Pitangui, então a gente sempre viaja pra lá pra visitar a minha avó – mãe dela, e a família. Eu costumo também tirar fotos da cidade, detalhes de qualquer coisa, animais e qualquer outra beleza que eu vejo quando estou inspirada.

Como é a recepção na cidade?

A vovó Dona Elzira sempre fica feliz e chora de emoção quando a gente chega lá. Ela é tão fofa! E os pitanguienses são muito simpáticos. Adoram receber turistas. Além disso família da minha mãe é super conhecida por lá. Quando eu falo que sou filha dela ou sobrinha de algum tio ou tia, o povo fica surpreso. Começam a relembrar histórias da família, do meu avô, dos meus tios, do tempo que a minha mãe cantava em festas e eventos sociais e dava aula de português na Escola Estadual. Também falam muito da minha avó, que foi professora e coordenadora na escola Manoel de Souza.  São muitas memórias.

Dicas de lugares para visitar: 

Muitas pessoas não sabem, mas Pitangui é uma das primeiras cidades de Minas – sétima vila do ouro do estado e já tem mais de 300 anos. Lá você encontra lugares com arquitetura antiga e casarões coloniais. Vale a pena visitar a Cruz do Monte, Praça Antônio Fiuza, Igreja de São Francisco, Igreja Matriz de Nossa Senhora do Pilar e tem também o Museu Histórico. Ah, um outro lugar para se aventurar é o Rio Pará, que é muito bonito!

SONY DSC SONY DSC SONY DSC SONY DSC Rio Pará SONY DSC SONY DSC

Praça Antônio Fiuza

Praça Antônio Fiuza